Viaturas no Rio de Janeiro serão equipadas com câmeras de videomonitoramento

Compartilhe...

Os veículos dos órgãos de segurança pública e defesa civil do estado do Rio de Janeiro serão equipados com câmeras de videomonitoramento, visando reforçar a segurança pública. Um total de 5.849 viaturas desses órgãos terão softwares de reconhecimento facial e leitura de placas integrados, em um investimento de R$ 236,5 milhões.

Cada veículo será equipado com uma câmera interna e duas externas. As imagens captadas durante o serviço serão exibidas em um monitor instalado no lado direito do painel da viatura. O governador Cláudio Castro, que anunciou o lançamento da ferramenta nesta quarta-feira (3), enfatizou a importância dessa iniciativa.

“Hoje o Rio de Janeiro tem uma política de segurança pública ancorada no investimento em tecnologia, aliado à infraestrutura e pessoal. Estamos no caminho certo, o de devolver ao nosso estado os melhores números e a maior sensação de segurança que pudermos ter”, afirmou Castro.

Os equipamentos serão instalados em um prazo de 30 meses nas viaturas de sete órgãos estaduais: Polícia Militar, Polícia Civil, Administração Penitenciária, Defesa Civil, Secretaria de Governo (responsável pelas operações Segurança Presente e Operação Lei Seca), Casa Civil (responsável pela Operação Foco) e o Instituto de Pesos e Medidas (IPEM).

Na Polícia Militar, responsável pelo policiamento ostensivo e repressivo, as câmeras embarcadas serão instaladas em 1.500 viaturas na primeira fase, proporcionando um suporte adicional para os operadores da central de monitoramento no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) da corporação.

“Assim como as câmeras portáteis, as câmeras embarcadas contribuirão para dar mais transparência às ações policiais, maior efetividade nas missões de patrulhamento, além de proteger legalmente nossos policiais em muitas ocorrências”, explicou o secretário da Polícia Militar, coronel Luiz Henrique Pires.

Atualmente, os operadores do CICC monitoram imagens geradas pelos projetos de videomonitoramento urbano e pelo sistema 190 Integrado, assim como as provenientes das 13 mil câmeras corporais portáteis disponibilizadas nas unidades operacionais da PM.

Águas do Paraíba dívida zero com até 65 de desconto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *