Mais de 920 kg de peixes apreendidos em operação do MP, VISA e Defesa Agropecuária

Compartilhe...

Na tarde dessa quarta-feira (19), após denúncia de irregularidades em um estabelecimento comercial de pescados (frigorífico) na praia do Farol de São Tomé, agentes do Grupo de Apoio à Promotoria (GAP) do Ministério Público (MP/RJ) desencadearam uma operação conjunta com a Vigilância Sanitária de Campos (VISA), Defesa Agropecuária Estadual e fiscais da Enel. Durante a ação, as equipes encontraram insetos, equipamentos enferrujados e produtos expostos em ambiente aberto. No total, foram apreendidos mais de 920 kg de peixes, que estavam estocados em câmara fria.

Os agentes identificaram ainda uma planta de processamento de pescado, incluindo camarão, sem condições higiênicas sanitárias. Foram encontrados também moscas e baratas, poça com água suja e produtos expostos a céu aberto.

Diante da constatação de funcionamento clandestino e sem o devido registro junto ao órgão sanitário competente, a Defesa Agropecuária apreendeu e inutilizou o pescado eviscerado e glaceado, impróprio para o consumo humano.

O local foi autuado e o proprietário só poderá retornar às atividades mediante regularização junto ao Serviço Oficial de Inspeção Sanitária. A ocorrência foi registrada na 134ª Delegacia Legal (Centro). O material apreendido foi descartado no aterro sanitário de Campos.

Águas do Paraíba dívida zero com até 65 de desconto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *