Dia dos Namorados: Expectativa de aumento nas vendas entre 10 a 15% em relação a 2022

Compartilhe...

Uma das datas mais importantes do calendário do comércio, o Dia dos Namorados (12 de junho), promete esquentar as vendas em Campos, com um aumento entre 10% e 15% nos segmentos de presentes, de acordo com a Câmara de Dirigentes Lojistas de Campos (CDL). Uma pesquisa feita pela Confederação das CDLs apontou que o brasileiro pretende gastar em média R$ 232,00 com presentes.

Existe uma grande expectativa de aumento nas vendas a partir desta quarta-feira (07), com retomada na sexta-feira (09) e no sábado (10). No domingo, os shoppings deverão ter um bom movimento e no próprio dia 12, segunda-feira, as vendas de presentes devem se intensificar.

– O Dia dos Namorados se firma cada vez mais como uma das datas mais importantes do calendário lojista e tem a particularidade de abranger diversos segmentos: presentes como vestuário, tanto masculino e feminino e também os segmentos de joias, perfumes, floriculturas, bebidas e restaurantes. Esses segmentos terão um aumento nas vendas que, em alguns casos, podem beirar a 15% em relação ao ano passado- disse o presidente da CDL, Edvar de Freitas Chagas Júnior.

A pesquisa feita pela Confederação das CDLs mostra que com relação as compras pretendidas, 40% pretendem adquirir este ano a mesma quantidade de presentes que o ano passado, 24% pretendem comprar mais e 18% querem comprar menos.

Em relação aos gastos, 36% pretendem gastar mais este ano do que no ano passado, sendo os principais motivos comprar um presente melhor (53%), os produtos estarem mais caros (35%) e melhora na renda mensal (28%).

Já 12% devem gastar menos, porque estão com orçamento apertado (42%), para economizar (26%) e devido a inflação e instabilidade econômica (20%). 37% pretendem gastar o mesmo valor.

Em média, o consumidor brasileiro deve desembolsar R$ 232,00 com os presentes do Dia dos Namorados, R$ 36,00 a mais que no ano passado), valor que aumenta entre as classes A/B para R$ 293,00.

Com isso, a data deve movimentar, no país, R$ 23,17 bilhões no varejo e serviços, tendo um aumento de R$ 5,1 bilhões na estimativa deste ano, quando comparado ao ano passado.

Comércio que abrir quinta deverá ser recompensado com folga ou hora extra para o trabalhador

O comércio campista poderá funcionar no feriado de Corpus Christi, que será celebrado na próxima quinta-feira (8), explicou o presidente do Sindicato do Comércio Varejista – SINDIVAREJO-, Maurício Cabral, desde que haja um acordo entre empresários e colaboradores, que pode ser paga em forma de folga ou hora extras.

Fonte: CDL

Águas do Paraíba dívida zero com até 65 de desconto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *