Após reunião no MP LOA poderá ser votada na sessão de quarta-feira

Compartilhe...

Após uma reunião de cinco horas na sede do Ministério Público, o prefeito de Campos, Wladimir Garotinho (PP), e o presidente da Câmara Municipal, Marquinho Bacellar (SD), chegaram a um acordo sobre a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2024. A votação da LOA pode ocorrer na próxima semana, após uma nova reunião marcada para segunda-feira, envolvendo todos os vereadores e o prefeito, com o propósito de “aparar arestas”.

A reunião teve início às 9h30, com uma pausa para o almoço às 13h40 e foi retomada às 15h. Ambas as partes reconheceram a necessidade de ceder para alcançar o acordo, embora os detalhes dos compromissos não tenham sido divulgados. Wladimir expressou otimismo em relação a uma votação tranquila na quarta-feira, caso o entendimento seja mantido.

A programação de verão deste fim de semana em Farol e Lagoa de Cima está mantida, assegurou o prefeito, com o acordo de aprovação da LOA. Um ponto de controvérsia na LOA era o aumento do valor destinado a instituições filantrópicas, reivindicado pela oposição, mas que parece improvável após a discussão no Ministério Público.

Outra questão em debate é o percentual de remanejamento de verbas para o Poder Executivo e Legislativo na LOA, a ser discutido na próxima reunião. A Lei Orçamentária Anual é fundamental, pois define a distribuição do dinheiro público ao longo do ano para atender às necessidades da população em várias áreas, com o remanejamento permitindo a realocação de recursos entre as pastas.

Águas do Paraíba dívida zero com até 65 de desconto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *