Ex-prefeito Armando Carneiro, continua inelegível por decisão da justiça

Compartilhe...

O ex-prefeito de Quissamã, Armando Carneiro, permanece inelegível, impossibilitado de concorrer a cargos políticos por três anos. Esta semana, o Tribunal de Justiça do Rio negou seu recurso para anular a condenação por nepotismo. Armando foi considerado culpado por nomear o tio e o primo de sua esposa, Alexandra Moreira, enquanto governava a cidade. O desembargador Paulo Sérgio Prestes dos Santos rejeitou o pedido, mantendo a inelegibilidade, a multa e outras restrições. Como resultado, Armando não pode ser candidato a prefeito este ano, e sua esposa, a vereadora Alexandra Moreira, é esperada para concorrer pelo grupo político dos Carneiros. O caso de nepotismo violou a súmula vinculante nº 13 do STF, que proíbe a nomeação de parentes em cargos de confiança. Apesar das recomendações do Ministério Público para coibir o nepotismo, Armando ignorou, levando à sua condenação em primeira instância e posteriormente confirmada pela 2ª Câmara Cível do TJ-RJ.

Aguas do Paraiba - Pague com PIX 800x250

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *