DER-RJ confirma entrega da Ponte da Integração para o final de junho

Compartilhe...

Após uma espera de 40 anos, a Ponte da Integração, que conectará os municípios de São João da Barra e São Francisco de Itabapoana, finalmente será entregue à população. O Departamento de Estradas de Rodagens do Rio de Janeiro (DER-RJ) confirmou nesta segunda-feira (27) que a conclusão está prevista para o final de junho. Segundo o órgão, os 34 vãos da estrutura já foram finalizados, e as obras agora se concentram nos acessos à ponte.

Em março, o DER-RJ havia informado que o prazo de entrega, inicialmente previsto para aquele mês, foi alterado para junho deste ano. A construção da ponte foi orçada em R$ 105,7 milhões. A licitação para as obras dos acessos foi anunciada em agosto de 2022, e a empresa vencedora, Ferdan Empreendimentos Construções e Serviços Eireli, foi anunciada em janeiro de 2023. O contrato com a empresa, no valor de R$ 21.298.856,06, foi assinado em abril de 2023, com um prazo de execução de um ano.

Nas obras do acesso em São João da Barra, os serviços de drenagem foram concluídos, a pista foi asfaltada e o meio-fio finalizado. No acesso pelo lado de São Francisco de Itabapoana, o trabalho de terraplanagem foi prejudicado pelas fortes chuvas na região.

A Ponte da Integração, segundo o projeto, tem 16,2 metros de largura e 35 pilares, sendo 17 no trecho sobre o rio Paraíba do Sul, 14 em São João da Barra e quatro em São Francisco de Itabapoana, na RJ 194, localidade Campo Novo.

O governador Cláudio Castro chegou a afirmar que “cabeças iriam rolar” caso a ponte não fosse entregue em 2022. Um dos prazos recentes, previsto para 30 de maio de 2023, não foi cumprido. Durante a diplomação para seu segundo mandato, em dezembro de 2022, Castro reiterou a importância da conclusão da ponte.

A história da Ponte da Integração se estende por mais de 40 anos, com a proposta de encurtar o trajeto entre SFI e SJB em aproximadamente 80 quilômetros. O primeiro projeto, lançado na década de 80, não teve continuidade. Em 2014, foi prometida uma nova ponte, com orçamento inicial de R$ 105,7 milhões e prazo de conclusão de um ano. No entanto, a obra não foi concluída até agora.

Em 2021, o governador Cláudio Castro anunciou a retomada imediata da construção, condicionada à aprovação do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Em setembro, o presidente da Corte de Contas, Rodrigo Melo do Nascimento, afirmou que não havia impedimento para a conclusão, apesar das suspeitas de superfaturamento. As obras foram retomadas no início de 2022.

Aguas do Paraiba - Pague com PIX 800x250

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *